24 Abril 2011

O lado...

Sim, sou daquelas pessoas que só quer aquilo que não tem! (Mas serei só eu?)

Neste momento sei pelo menos uma coisa sobre mim que seguramente não vai mudar nos próximos 6 meses, 2 anos, ou qualquer prazo que se avizinhe, é inato, criado e enraizado pelo tempo e experiências passadas: existo para ser prática e não teórica!
Sim, é isso, preciso de movimento, de falar, ouvir e partilhar, de agir, de mexer, de criar e ver resultados materiais, siiim, coisas materias, coisas que eu posso criar, coisas que vocês gostam, coisas que fazem alguém sorrir, coisas úteis, reais!
Mas...é um facto:só quero o que não tenho (não fosse eu estar há 12 horas sozinha sentada a uma secretária á espera ou que o telefone toque ou que alguém me envie um email para ter o que fazer)
Como diz a minha mãe, "tempo para pensares na vida ai é o que não te falta", o que é verdade, e por isso mesmo cá estou a tirar e partilhar conclusões sobre a vida, a minha vida, sobre o que quero e não quero, sobre o que posso ser e o que devo ser, sobre o que quero ser e o que posso vir a ser, sobre ontem hoje e amanhã e depois e depois e depois. 
Será que sonhar demais faz mal? Já tive mais certezas que não, por isso acho que devia fazer uma pausa, querer tudo ao mesmo tempo deve fazer mal, não? Então e querer tudo ao mesmo tempo sem se poder sair do lugar? Hum...incocebivel...mas eu quero, será que posso? (Talvez, podes é não conseguir)

P.S. - sim, ás vezes falo comigo própria. (continua)

20 Abril 2011

As capas

Olá Mundo,

Como prometido venho mostrar aqui algumas fotos das capas de "directório de quartos" que fiz para o Areias do Seixo Charm Hotel & Rsidences. Não vou poder colocar todas (apesar de todas as capas serem diferentes) visto que foram 25, mas  deixo as mais giras, e dá para ficar com a ideia!


       

 
 
(estes de bolinhas brancas em fundo preto não foram para directório mas sim para cartas de vinho e bar)



No fundo todas elas são dossiers forrados a tecido. Estes são de lombada fina mas qualquer tipo de dossier pode ser forrado! A M acabou por me pedir também dois de lombada mais grossa para pôr as pautas de música que estão junto ao piano. Vai ser concerteza um orgulho entrar num hotel tão conceituado (capa do boa cama boa mesa) e ver o meu trabalho por lá espalhado.
Quero é mais encomendas destas, afinal foi a maior que alguma vez tive, (será sinal de alguma coisa?)

Volto a pôr mais daqui a pouco...

20 Março 2011

Ausência

Olá mundo,

Venho hoje aqui tentar explicar-vos e redimir-me pela minha tão longa ausência aqui no blog. Podem ter a certeza que ninguém mais que eu sente falta deste mundo, do qual sempre ambicionei fazer parte.

A olhar para o tecto e a pensar qual o primeiro motivo pelo qual deixei de ter tempo para o blog, só uma palavra me surge: CAR-NA-VAL. È verdade. Porque o carnaval é O evento do ano não só em terras brasileiras, mas também em terras portuguesas, nomeadamente a minha (Torres Vedras), onde três semanas antes já se sai de casa com adornos alusivos á época. (e mal se dorme a fazer a contagem decrescente dos dias e horas). E sim, foi isso, os meus 21 anos ainda me permitem viver cada momento do carnaval como uma criança de 3 anos vive o momento de comer o chupa chupa tão prometido. E uma, duas, três semanas depois dos prés, ele lá chegou...5 dias e 4 noites de non stop. Dormir em média 3 horas por noite (de dia) e ajustar tudo o resto (porque infelizmente há vida para além do carnaval, o que muitas vezes é esquecido). E pronto, tudo passou, mas o tempo livre não voltou.

E, apesar de longo (curto para quem o vive como eu) o carnaval não justifica tudo. Cá vai a segunda parte... 

Meses depois a minha vida voltou ao ritmo normal, ao ritmo non stop TOTAL.(Sim, porque estive "parada" para estudos uns 4 meses). 
Iniciei o meu estágio curricular de 3 meses no Palácio Belmonte, um hotel de 11 suites junto ás muralhas do castelo de S. Joreg em Lisboa, no dia 10 de Fevereiro (conclusão: ainda mal tinha respirado fundo por ter acabado o carnaval, já estava inspirar fundo pelo estágio a começar).
Ao mesmo tempo estou a trabalhar nos Censos 2011 que estão a acontecer neste momento em Portugal, em que sou recenceadora e portanto os meus fins de tarde são passados a bater ás portas para distribuir papelada a toda a gente. (As inumeras pessoas com quem falo por dia, e sempre o mesmo discurso em prédios de 6 andares sem elevador cansam, mesmo, mas gosto).
E por fim a ecomenda que tive de 16 dossier forrados a tecido que serão as futuras capas dos directórios de quarto do Areias do Seixo Charm Hotel que ainda nem tempo tive de coser, só cortar e alinhavar.
E por fim, a Feira Rural de Torres Vedras a ter inicio dia 2 de Abril para a qual tenho mesmo de trabalhar senão a banca fica vazia (isso nunca).

Não sei se justifica totalmente esta tão longa ausência mas sei que o vosso sentido de compreensão é enorme pois todos (as) nós temos aquelas fazes na vida em que tudo o que mais queremos fazer tem de ficar para segundo plano.
Vou voltando aos poucos conforme for produzindo coisas novas.

Obrigado, sempre.

16 Fevereiro 2011

Almofadas

Hoje o post é sobre almofadas, e como vão poder ver, vários tipos de almofadas.

Cá em casa é um dos trabalhos particularmente apreciados. Estão constantemente a aparecer novas almofadas aqui e acolá. Ou de tecido, ou de crochet, e agora quem sabe também de fuxicos (vi umas há pouco tempo numa loja que me inspiraram).

Os exemplos que vos mostro asseguir são apenas isso, exemplos, porque a quantidade de almofadas espalhadas nesta e noutras casas é realmente grande, e colocá-las todas aqui seria exaustivo.
São simples, espero que gostem.
















04 Fevereiro 2011

Mobiliário reciclado

  
Boa dia para todo o mundo!

Hoje venho mostrar-vos uma outra vertente do nosso projecto familiar (familiar porque participa toda a família, desde o avô á neta).

Estes móveis têm cada um uma história, e todos foram recuperados lá em casa. Por incrível que pareça vieram do lixo, literalmente do lixo, ou como lhe chamam em Torres da "recolha de monstros", um programa da Câmara Municipal que recolhe por toda a cidade os "monos" que já ninguém quer.
Pronto, e é ai que entramos nós: o tio recolhe os móveis, o avô e o outro tio lixam e pintam, a mãe e eu damos as dicas de cores e o acabamento final em patine (ou não).

Para além destes há muitos mais, porque o lema lá de casa é: nada é lixo, tudo pode ter uma nova vida, basta imaginação e vontade. E mesmo que hoje pareça uma coisa inútil, no futuro pode fazer imenso jeito. È verdade que temos a grande vantagem de ter armazéns onde podemos guardar as coisas, e espaço não falta, e por isso faço aqui o apelo, para quem tiver mobiliário em casa que já não use e ache mesmo que o último destino é o lixo, dêm-nos, ou peça, que nós recuperamos!!

Os contactos:                  Tlm: 917067475                 Email: marialuisantunes@gmail.com

esta cadeira já estava lá por casa há uns bons anos
agora tem cara nova :)

esta nem nos monstros estava, estava mesmo no contentor, sorte a dela que não coube logo lá dentro
é de criança por isso é uma optima ajuda na hora do J lavar os dentes

a mesa sim,estava nos monstros, mas sem vidro
foi toda pintada e o vidro comprado á medida e agora serve de expositor aos brinquedos de lata do J

a minha mesa de cabeçeira de Lisboa, A-D-O-R-O

a cadeira de Lisboa

este conjunto veio todo dos monstros, 4 cadeiras e a mesa que apesar de antes não terem qualquer relação agora fazem conjunto. Eu cá acho que combinam na perfeição

27 Janeiro 2011

Fimo - para começar bem o dia

Bom diaaaa para todos que me visitam!: )
(ainda que não sejam muitos, são bons)

Hoje (como a maior parte das minhas manhãs) comecei logo visitando os meus blogues de eleição, e de facto, é inquestionável que as brasileiras(os) são artistas mesmo! Claro que em Portugal também somos, e tenho muitas provas disso, mas talvez o facto de sermos bem menores torna-o menos evidente. 70% dos blogues que sigo de "meninas" brasileiras, cada uma mais artista que outra!:) o que só torna o meu desejo de um dia viver por lá ainda maior (e vou conseguir,e algo me diz que falta pouco..2 anos?) quem sabe...terei de descobrir!

Hoje venho partilhar convosco os meus trabalhos em fimo. Já tenho tudo isso (e algumas coisas mais)publicado no flickr, por isso se quiserem passem para dar uma olhada e já agora opinar!:) é AQUI.

Passo a apresentar:


a minha imagem de marca da época natalicia: presépio do tamanho de meio dedo polegar
pode ser feito em qualquer cor



 esta é  uma criação recente, para inspirar para o dia de S. Velentim que está quase ai
é igualmente pequeno como um presépio, mas o tamanho também é opcional


 Este é um porta retratos para colocar duas fotografias, costumo chamá-lo "amiguinhos"



 Estes são igualmente porta retratos mas desta vez só para uma fotografia cada



E por fim, só por graça, mostro-vos todos eles antes da ida ao forno.
 Adoro o efeito coloridos que fazem



Espero que sirva de inspiração a todas(os) os artistas que por ai andam neste enorme mundo que estou muitooooo feliz por ter descoberto. Os blogues são já o meu maior vicio. : )

E para qualquer dúvida sobre qualquer coisa não exitem: marialuisantunes@gmail.com

Até breve

20 Janeiro 2011

Novos projectos

Retalhos Remendados já não é um projecto individual, apartir de agora é um projecto familiar! : )
E nada me podia deixar mais orgulhosa. Começo de facto a acreditar que é desta que vamos tomar o nosso rumo. E já há resultados:


                                      
 Os tecidos para iniciar

   
Os primeiros

Dispostos para teste

Este é o novo projecto da mamy. Agora todos os serões o objectivo é fazer fuxicos para mantas, colchas ou simples cobertas.

Disponível a qualquer altura com orçamentos grátis para qualquer tamanho pretendido.

Este é o resultado que se pretende:

(Areias do seixo Charm Hotel quarto Oliveira Princesa)